Blog da Papelaria

Qual o risco das empresas chinesas dominarem o mercado de papelaria nacional?

A China domina o comércio mundial e possui um PIB estimado em US $ 11.795,297 bilhões, ficando em 2º lugar do mundo, atrás, apenas, dos Estados Unidos. 

 

Estimativas oficiais colocam as exportações anuais chinesas na região em US $ 1,904 trilhão, e o país assumiu a posição dos EUA em 2013 como a maior nação comercial do mundo. Ou seja, estamos falando de um tubarão na área da exportação. Desde 2009 ela é considerada a maior exportadora de bens do mundo.

 

Isso acaba prejudicando e preocupando a maioria dos comerciantes no Brasil e no mundo, afinal é realmente difícil competir com o custo dos produtos exportados pela China. 

 

😲 E aí, o que fazer com essa situação? Será que o mercado de papelaria está em risco?

 

É natural que você esteja sentindo-se inseguro em relação ao seu comércio quando um número devastador de chineses colocam em suas prateleiras produtos similares aos seus com algumas “vantagens” que aparentam ser boas demais.

Porém, nem tudo que reluz é ouro e por isso vamos te mostrar bons motivos para não temer e continuar investindo na sua papelaria.

 

Prazo de entrega

 

A maioria dos consumidores querem algo e querem agora! Essa é uma boa hora de tomar à frente nas negociações e se destacar no mercado. Você precisa tirar vantagem no quesito “entrega” e oferecer aos seus clientes um prazo justo e atrativo. 

 

A maioria dos produtos chineses encomendados pela internet demoram meses para chegar. É aí que você entra! Invista na propagando de que seus produtos estão disponíveis à pronta entrega e com fácil acesso a retirada. 

 

Pode parecer bobagem, mas muita gente prefere comprar o que é mais fácil e rápido de receber.

 

Garantia

 

O famoso “made in china” não possui garantia nem nota fiscal. Ou seja, se o produto chegar com falhas e imperfeições, o azar é totalmente do cliente. Por isso, foque em oferecer garantias para os seus clientes e garanta um relacionamento duradouro. 

 

É preferível comprar algo se a gente sabe que pode trocar caso não seja do nosso agrado ou esteja com algum defeito. 

 

Sem contar nos riscos que o consumidor de produtos importados diretamente da China corre, já que as leis do código do consumidor não se aplicam à eles. Se o produto adquirido não chegar ou vier violado, o cliente não tem pra onde correr e nem recorrer, estando totalmente desamparado legalmente. 

 

Frete grátis

 

A maioria das pessoas preferem comprar onde recebem a vantagem do frete gratuito. Por isso, planeje uma forma de oferecer essa possibilidade aos clientes da sua papelaria. Reveja os preços e converse com seu gerente para encontrar uma maneira de incluir o valor do frete na compra ou presentear o cliente em compras acima de determinado valor. 

 

Os sites Chineses estão sempre pegando uma brecha nesta “oferta” e ganhando cada vez mais clientes, apenas por conta desse – nem tão pequeno – detalhe.

 

Qualidade

 

Esta é o coelho da sua cartola! Alguns produtos da China não possuem uma qualidade tão boa como o esperado, por isso você precisa focar nas vantagens que seu cliente terá ao adquirir produtos nacionais e diretamente da loja. 

 

Outro ponto importante é o atendimento. A qualidade da recepção das lojas chinesas é relativamente baixa. Por isso, sua papelaria precisa estar anos luz à frente nesse quesito. 

 

Invista em bons funcionários e cursos de atendimento ao cliente. Dessa forma, você não precisa se preocupar com o crescimento do mercado chinês no país, já que sua papelaria sempre será uma boa referência.

 

Comente, participe, queremos ouvir sua opinião!

O que achou?

Blog da Papelaria
Menu